• Mais

Traduz pra mim: os termos em inglês mais comuns na publicidade



“Venha provar meu brunch. Saiba que eu tenho approach. Na hora do lunch eu ando de ferryboat.”

Este é um trecho da canção ‘Samba do Approach’, composta por Zeca Baleiro e famosa na voz de seu xará, o Pagodinho.


Você pode até ter estranhado encontrar uma letra de música aqui no nosso blog, mas o assunto tem a ver. Vamos trazer a referência então para o nosso contexto.


“Vou te enviar o briefing sobre o job após o coffee break. Mas lembre-se: o deadline é até amanhã ao meio-dia e o cliente disponibilizou um alto budget para a campanha.”


Você reparou na quantidade de termos em inglês utilizados no texto acima? Saiba que eles são muito comuns no mercado da publicidade e da comunicação.


Então, aperte a tecla SAP e sinta-se convidado(a) a conhecer o significado daqueles que são mais utilizados no mundo do marketing.


Eu disse “marketing”? Pois é, não dá pra evitar.


Boa leitura!


  • Briefing

A palavra briefing é um derivado de brief, que, em tradução simples e direta, significa breve. Sua derivação no mundo da comunicação pode ser descrita como um resumo de informações breves e sucintas cuja finalidade é fornecer um tipo de instrução ou parâmetro para determinada tarefa a ser executada referente a um assunto ou tema.

Um briefing deve conter informações claras e o que for necessário para que a equipe envolvida no projeto esteja munida de conhecimento. Sua elaboração é fundamental para o sucesso de uma campanha. Geralmente, constam alguns detalhes como tempo de mercado da empresa, descrição das atividades, descrição do público-alvo, objetivo a ser cumprido com a comunicação, entre outros.

Mas não se engane: não há um modelo de briefing definido e cada um tem suas particularidades. Por isso, a importância de uma boa elaboração do mesmo.


  • Job

A mais queridinha no mercado da publicidade, a palavra job significa trabalho. O job vem na esteira do briefing, pois sua execução depende da demanda solicitada.

Dessa forma, o job representa todo o trabalho a ser performado pela equipe da agência: atendimento, orçamento, planejamento, fluxo, redação, direção de arte e mídia. São várias as suas etapas: do levantamento das informações citadas no item anterior à elaboração de ideias e à execução das mesmas, até sua conclusão e acompanhamento de resultados.


  • Deadline

Este é aquele termo que faz a alegria das pizzarias. Sim, pois graças ao deadline, muitas vezes, a equipe de criação precisa passar umas horinhas a mais do dia para entregar uma tarefa a tempo. Daí, algumas fatias de pizza se fazem necessárias para tornar a missão mais prazerosa.

Em suma, deadline é o prazo para a entrega de um job. Sua tradução pode ser vista como “fim da linha”, que significa justamente o prazo final para o término de um projeto.


  • Coffee break

Desse, todos gostam. Trata-se daquela hora gostosa da pausa para um lanche. O termo, que significa pausa para o café, é normalmente utilizado após uma reunião ou em seu intervalo. Embora seja um momento mais informal e descontraído, durante o coffee break podem surgir grandes ideias e até mesmo novos negócios.


  • Lead

O termo lead faz parte cada dia mais da vida daqueles que trabalham com publicidade e marketing, especialmente o lado digital do negócio.

Em tradução crua, lead quer dizer conduzir, guiar, e está ligado ao fato de tornar alguém um potencial comprador de seu produto. Ou seja, guiar um potencial cliente a uma determinada tomada de decisão.

A captação de leads é um dos trabalhos que mais exigem conhecimento no que se refere a ferramentas de captação, sejam elas redes sociais, sites de busca, conteúdos ricos (como e-books), e-mail marketing etc.

Lembre-se: uma boa captação de lead é uma grande aliada no sucesso dos negócios.


  • Budget

O termo budget representa o orçamento, ou seja, quanto o cliente tem disponível para a execução de uma campanha.

Embora este não seja tão utilizado entre os profissionais de uma agência, cabendo mais à equipe de marketing do cliente, o budget é o que determina, muitas vezes, a qualidade técnica de uma campanha. Veja bem, eu disse técnica, pois mesmo com orçamentos reduzidos é possível criar grandes peças de comunicação. Claro que, com uma ajudinha financeira, o poder de fogo para os formatos e a veiculação na mídia tende a ser maior.

O desafio é fazer sempre o melhor com o que se tem em mãos.


  • Marketing

E por último, mas não menos importante – muito pelo contrário, diga-se de passagem – o guarda-chuva de tudo o que falamos até agora: o marketing.

Assim como o briefing, a palavra marketing é derivada de outra, no caso, market, que significa mercado.

E ela trata justamente de mercado, uma vez que toda tomada de decisão em uma empresa frente a seu público, nas mais diferentes áreas que se possa imaginar, requer a melhor utilização de suas ferramentas.

É no marketing que encontramos o DNA de uma empresa.

Missão, visão, valores, posicionamento, público, identidade e personalidade de marca. Também se respondem as perguntas que fazem o motivo da empresa existir: por que eu existo? Quem eu atendo? Como vou atender? O que vou oferecer?

Em resumo, aqui se aplicam todas as relações entre as dores dos clientes e as soluções que uma empresa deve oferecer.


Aí você pode me perguntar: “são só estes termos, redator?”.

Não, há inúmeros outros, mas para não estender muito escolhi aqueles que são mais comuns no dia a dia.

Quer conhecer outros termos e suas definições? De repente, pode até ter uma parte dois, mas eu também sugiro entrar em contato com a gente.


Conversar com você é mais que bom. É very good.


Você pode solicitar atendimento pelas nossas mídias sociais:

Facebook: @mais.ppg

Instagram: @mais.ppg

LinkedIn:@mais.ppg


17 visualizações
Funcionamento
Endereço

Seg - Sex: 8:00 - 18:00

Contato

Tel: (34) 99280 – 0068

mais@mais.ppg.br

© 2019 por Mais Resultados Inteligentes